Prefeitura de Carmo do Cajuru e setor moveleiro discutem destinação correta de resíduos de móveis.
+
Categoria: Noticias
abr, 1, 2019

Equipes da Secretaria de Meio Ambiente se reuniram na última sexta-feira (22) com representantes só setor moveleiro, para discutir estratégias de planejamento para destinação de resíduos da indústria moveleira. A reunião envolveu a administração, representantes da indústria de móveis e o Sindicato da Indústria do Mobiliário de Minas Gerais (SINDMOV).

Desde 2018, os setores vem alinhando ações conjuntas para buscar soluções sustentáveis para redução dos impactos ao meio ambiente por descartes irregulares de resíduos provenientes de restos de madeira e principalmente de MDF, que são jogados na área urbana de Carmo do Cajuru.

De acordo com o secretário de Meio Ambiente, Saulo Nunes, trata-se de mais um passo nas ações de planejamento que contam principalmente com a parceria dos empresários locais. “Foi uma importante reunião onde discutimos destinação para estes resíduos”, disse.

Segundo o prefeito Edson Vilela, trata-se de uma proposta inovadora, na qual o poder público e o setor industrial vão buscar juntos melhores alternativas ambientais e que consequentemente vão contribuir para fortalecimento da economia local e fortalecer a identidade do município como a cidade dos móveis.

Percebemos que, com frequência os resíduos de madeira, provenientes da fabricação dos móveis, são muitas vezes descartados em locais inadequados e isso é prejudicial, principalmente ao meio ambiente, mas também para a imagem da cidade. Queremos sempre levantar a bandeira da sustentabilidade, portanto, pensar em uma solução para este problema é um dever de toda administração”, ressaltou o prefeito.

Na reunião foram discutidas possibilidades de implantação de um local para receber estes rejeitos e possivelmente processá-los. “Nosso diálogo se deu justamente na elaboração e criação de um ponto central para disposição dos resíduos, com sua posterior destinação às empresas recicladoras e de triagem”, finalizou o prefeito.

Fonte: G37.com.br

Nenhum comentário
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (No Ratings Yet)
Loading...

COMENTÁRIOS

Comentários fechados.